O mal.

O desejo,
O anseio ,
O primeiro beijo.
A carícia,
A pegada,
A malícia.
Mãos, lábios.
As tuas, os meus.
As minhas, os teus,
Entrelaçados num só ser.
E vem novos desejos,
Novos anseios,
E o decisivo beijo.
Mais mãos, mais lábios...e dedos e línguas.
Pedidos, palavras, gemidos.
O coito.
Ó amor!

5 comentários:

  1. como eu já disse, achei esse um pouco diferente dos demais, mais sério, mais amadurecido! fica até chato falar o quanto eu gosto de ler o você escreve, né? :)

    ResponderExcluir
  2. Nossa hein! Que tenso e intenso! Adorei.

    ResponderExcluir
  3. acho incrível o que você escreve, a forma que você escreve. dá até pra mudar meus conceitos.. :B

    ResponderExcluir
  4. Pelo jeito eu não sou a única que gosta do que você escreve, né Yuri !? E você se fazendo de pobre coitado ! Aii aiii !!! Adorei o textoo! Te adoro, amigo filósofo! ;)

    ResponderExcluir